domingo, 1 de julho de 2018

Gelado de leite creme queimado

receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado

Mais uma receitinha, mais uma voltinha aos gelados.
Aqui por casa somos autênticos viciados em gelados e se forem caseiros... desaparecem num abrir e fechar do congelador.
É mais uma receita do livro da Rita Nascimento "A vida secreta dos gelados caseiros".
Este é de crème brûllé, ou seja de leite creme queimado. Um gelado com uma textura cremosa. Rico em sabor a limão, baunilha, canela e com o com pedaços de caramelo torna-se um delicioso pecado.


Ingredientes

250 ml de leite meio gordo
200 ml de natas para bater
30 g de leite em pó
3 tiras de casca de limão
2 paus de canela
1/2 vagem de baunilha
100 g de açúcar
3 gemas

100 g de açúcar para o caramelo

Leve a lume médio num tacho os leites, as natas, as tiras da casca de limão, as sementes da baunilha e os paus de canela.
À parte misture as gemas com o açúcar e reserve. Assim que os leites e as natas estiverem prestes a ferver, retire do lume e com uma concha junte pequenas porções ao creme das gemas mexendo sempre muito bem.
Leve tudo a lume médio baixo mexendo sempre até começar a engrossar, deixe espessar um pouco, sem deixar ferver . Vai estar no ponto quando passar o dedo nas costa de uma colher e fizer um ponto de estrada. Retire do lume. Passe por um passador de rede e pare a cozedura, mergulhando a base do recipiente no lava loiças cheio de água e gelo, ou coloque durante uma hora no congelador.


Enquanto o creme esfria faça o caramelo. Forre um tabuleiro com papel vegetal ou tapete de silicone.
Coloque o açúcar num tacho e leve a lume brando até o açúcar derreter completamente e ficar com um tom dourado.
Espalhe o caramelo pelo papel vegetal com as costa de uma colher de forma a fazer uma camada fina.
Deixe arrefecer e quando estiver frio, bata com as costas de uma colher de maneira a partir a lâmina de caramelo em pedaços pequenos. Reserve.



Depois da base do gelado gelar leve-a à máquina de gelados, siga as instruções e o tempo recomendado pela sua máquina. Na minha são 20 minutos.
Quando estiver pronto deite um terço do gelado no recipiente que vai usar para congelar, cubra com o caramelo partido. Mexa bem para que o caramelo fique misturado no gelado. Repita até acabar o caramelo e o gelado. Leve umas horas ao congelador até atingir a consistência de gelado.

Sirva em bolas ou fatias e delicie-se.


receita gelado de leite creme queimado


Notas: A receita indicava 1 colher de chá de extracto de baunilha que substituí por sementes de meia vagem de baunilha.
Se não tiver máquina de gelados também pode fazer o gelado. Faça uma pesquisa aqui no blog e encontra receitas de gelado onde dou a indicação de como deve proceder se não tiver máquina. 



receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado


receita gelado de leite creme queimado

sábado, 16 de junho de 2018

Pão de milho recheado com sardinhas







Estamos na época da boa sardinha, porque não fazer um pão de milho e recheado com a rainha dos Santos?!
Usei sardinhas de conserva. Só gostava que tivesse  ficado com aquela crosta tão especial da broa, ficou com crosta de pão e não broa, mas de sabor ficou maravilhoso.
A receita do pão foi adaptada da Cozinha Tradicional.



Ingredientes (um pão médio)

250 g de farinha de milho
200 ml de água a ferver
15 g de fermento de padeiro
150 ml de água morna
1 colher- chá- de sal grosso
125 g de farinha de centeio
farinha de trigo qb (para unir a massa e polvilhar a base de trabalho)

farinha de milho para polvilhar

Recheio
2 latas de sardinha em azeite

Coloque a farinha de milho peneirada numa tigela e deite a água a ferver. Vá mexendo com uma colher de pau até atingir uma temperatura que possa amassar com as mãos.
Amasse bem, tape a tigela com um pano e deixe repousar 1 hora.
Passado esse tempo dilua o fermento na água morna junte à massa de milho, amasse bem, junte o sal e a farinha de centeio e continue a amassar.
Polvilhe a base de trabalho com farinha de trigo,deite a massa e amasse bem. Vá juntando farinha de trigo caso seja necessário a pouco e pouco. A massa vai ficar pegajosa e firme.mas não dura.
Depois de bem amassada, estenda a massa como se formasse um quadrado e espalhe as sardinhas. Feche a massa e dê-lhe uma forma arredondada. Polvilhe com farinha de milho, tape com um pano e deixe levedar uma hora.
Pré aqueça o forno a 200º, polvilhe um tabuleiro com farinha de milho e leve a cozer 30 a 40 minutos.
Para saber se o pão está cozido bata com a mão na base do pão, se ouvir um som oco, está cozido.
Retire do forno e deixe arrefecer sobre uma grelha.
Sirva cortado às fatias como entrada ou a acompanhar um caldo verde para um lanche ajantarado.



Notas: use as sardinhas que quiser com tomate, em óleo, ao natural...