quarta-feira, 6 de maio de 2015

Pastéis de creme custard de baunilha



Nem tudo o que parece é.
Ao primeiro olhar podem parecer pasteis de nata, mas não são.
São igualmente bons, com um agradável sabor a baunilha.





Receita adaptada daqui


Ingredientes (rendeu 24 pastéis)  

Massa
220 g de farinha sem fermento
60 g de amêndoa moída
120 g de manteiga à temperatura ambiente
2 colheres -sopa- de açucar em pó
1 ovo


Recheio
6 gemas
7 colheres -sopa- de açucar
3 colheres -sopa- bem cheias de farinha custard com sabor a baunilha
850 ml de leite



Peneire a farinha com o açucar e a amêndoa para uma tigela.
Junte a manteiga cortada em pequenos pedaços e amasse com um robot ou com as pontas dos dedos, até formar migalhas.
Juntar o ovo e amassar bem até o ovo estar bem incorporado na massa e conseguir formar uma bola sem a massa se pegar aos dedos.
Envolva a bola de massa em película aderente e deixe refrigerar 1 hora.

Prepare as formas que vai usar, unte com margarina e polvilhe com farinha se for o caso.
Estenda a massa depois de refrigerada numa superfície polvilhada com farinha.
Corte com um cortador de bolachas ou um copo e forre as formas.
Coloque-as no frigorífico enquanto prepara o creme.

Pré aqueça o forno a 180 º

Para o creme coloque as gemas numa tigela, com o leite, o açucar e a farinha custard.
Mexa bem com um batedor de varas ou use a batedeira para misturar bem todos os ingredientes até estar tudo bem misturado e dissolvido.
Coloque numa panela que não pegue ao fundo e leve a lume moderado mexendo sempre para evitar que se formem grumos.
Deixe cozer até o creme espessar.

Distribua o creme pelas formas forradas, não as enchendo completamente.
Alise o creme com uma faca ou espátula para que fique distribuído de maneira uniforme pelas formas.
Leve a cozer 35 minutos, ou até a massa ficar dourada e o creme tostado.
Deixe uns minutos no forno.
Retire, deixe arrefecer, desenforme e sirva.



Notas:
Se não tiver farinha custard pode substituir por amido de milho e açucar baunilhado a gosto.
Passei as gemas por uma peneira para lhes retirar a película que as envolve e evitar assim um odor intenso a ovo.
Se desejar polvilhe os pastéis com canela em pó quando for servir.
A massa é muito fácil de se trabalhar. Amassei-a à mão e levou poucos minutos a ficar boa.
Não deve de encher as formas completamente porque o creme vai crescer um pouco e depois baixa quando arrefecer.
Se for guloso/a como o cá de casa vai dizer que os bolos "estão um pouco pobres", o que significa que estão pouco doces.
Aumente a quantidade de açucar se desejar.