quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Tarte de castanhas merengada


tarte de castanhas


tarte de castanhas merengada







Há dias ao visitar um blog amigo saltou-me à vista uma tarte de castanhas merengada. Li a receita vi que era duma simplicidade incrível e guardei o link para fazer assim que tivesse oportunidade.
Esse dia chegou. Posso dizer-vos que é deliciosa, se forem amantes de castanhas experimentem.


A receita é da  Anita, fiz apenas uma alteração no creme, A Ana é uma querida e recebe todos com muito carinho e atenção na sua cozinha.  A Cozinha da Anita está aqui também.
Esta tarte é uma sugestão de Natal devido à facilidade com que se faz e ao seu sabor que aquece corações.
A Ana usou massa quebrada de compra. Eu fiz a massa. Quando resolvi fazer a tarte já estava de vestes caseiras e não me apeteceu vestir para ir à rua.
A massa que fiz é também muito simples. Usei  a água de cozer as castanhas e isso deu-lhe um sabor especial.
Sobrou-me creme que coloquei em dois ramequins e fiquei com dois saborosos pudins.
Nem sei do que gostei mais, se da tarte se dos pudins. Por isso se não tiverem massa e não a quiserem fazer, façam um pudim que vai ficar maravilhoso.

Ingredientes (forma rectangular 11x35 cm)

Massa
120 g de farinha de trigo sem fermento
60 g de açúcar
70 g de manteiga fria
50 ml de água da cozedura das castanhas


Creme
320 g de castanhas com casca
1 colher- café- de erva doce em grão
1 pitada de sal
4 ovos
200 ml de natas para bater
4 colheres -sopa- de açúcar
1 colher- café. de extracto de baunilha

Merengue
2 claras de ovo XL
gotas de sumo de limão
6 colheres-sopa- de açúcar


Lave as castanhas, dê-lhes um golpe com uma faca, cubra-as com água, junte uma pitada de sal e a erva doce.
Leve ao lume deixe ferver durante 25 minutos. Retire do calor e aguarde 10 minutos. Escorra as castanhas e reserve a água de cozedura.
Tire a casca e a pele às castanhas e reserve.
Prepare a massa. Coe a água da cozedura das castanhas e reserve 50 ml.
Coloque a farinha, açúcar e a manteiga cortada em cubos numa taça, ou no seu robot. Trabalhe a massa até a manteiga estar misturada nos outros ingredientes. Junte pequenas porções de água à massa até que não se cole às mãos e forme uma bola.
Embrulhe em película aderente e reserve no frigorífico enquanto faz o recheio.

Pré aqueça o forno a 180º.

Coloque os ovos, as natas e o açúcar no liquidificador e pulverize uns segundos. Adicione as castanhas e a baunilha e deixe-o trabalhar mais uns segundos.

Estenda a massa e preencha a forma. Pique o fundo da massa com um garfo. Deite o recheio e leve a cozer no forno 30 minutos a 180 º.

Se lhe sobrou recheio, prepare água para banho maria.
Deite um pouco um pouco de caramelo líquido no fundo das taças, distribua o recheio. Leve a cozer no forno enquanto coze a tarte; em banho maria durante 30 minutos a 180º, ou até o pudim começar a ficar dourado. Retire do forno e deixe arrefecer no banho maria. Desenforme depois de frio.

Prepare o merengue.
Bata as claras com 2 ou 3 gotas de sumo de limão em castelo.
A pouco e pouco adicione as colheres de açúcar. continuando sempre a bater. Até ter um merengue firme e brilhante.

Depois da tarte ter cozido os 30 minutos, retire do forno, reduza a temperatura deste para 160º.
Com um saco de pasteleiro ou uma colher decore a tarte com o merengue.
Leve ao forno a 160º mais 20 minutos, ou até achar que o merengue está dourado. Deixe arrefecer no forno com a porta entre aberta.
Sirva em fatias e delicie-se.
 




tarte merengada


Notas: A absorção da água na massa depende da farinha que usamos. Não tive necessidade de usar toda a água, a massa ficou no ponto antes de esgotar a água.
Podem verificar que na receita original foi usado vinho do Porto que substituí pela baunilha.
Se optar por fazer o recheio numa taça, antes de adicionar as castanhas reduza-as a puré, ou esmague-as com um garfo, depende se deseja encontrar ou não pequenos pedaços de castanha no recheio. Eu optei pelo liquidificador e fiz tudo ao mesmo tempo.
Queria que o merengue ficasse com uma capa de suspiro e não apenas dourado. Se o pretender apenas dourado, basta que o queime com um maçarico de cozinha, e se for o caso, aumente o tempo de cozedura da tarte uns 5 a 8 minutos.

receita tarte de castanhas


tarte merengada de castanhas


tarte merengada


tarte merengada


tarte de castanhas


receita tarte de castanhas


tarte de castanhas